Pix para empresas: como funciona?

Você sabia que o Pix pode ser usado pelas empresas em diversos tipos de transações? Confira aqui como esse meio de pagamento pode se adequar ao seu negócio.

por Lays Xavier

O Pix chegou no mercado e todo só sabem falar dele. Porém, apesar de tanta divulgação, ainda restam muitas dúvidas a respeito de seus funcionamento, a quem ele se aplica, como poderá ser usado e muitas outras.

Essa forma de pagamento vem com o intuito não somente de agilizar as transações, mas também de trazer uma nova perspectiva que pode mudar a forma como realizamos as transações.

Isso porque o Pix promete eliminar alguns custos transacionais, deixando-o muito mais atraente no momento em que é necessário realizar pagamentos.

Quer saber mais sobre o que é o Pix, a forma que ele poderá ser usado pelas empresas, tirar dúvidas e ainda observar o seu comparativo com outros meios de pagamentos já muito conhecidos? Você chegou ao lugar certo. Confira!

O que é o Pix

Começando pelo primeiro grande questionamento a respeito da nova forma de pagamento, o que é o Pix?

É comum escutar falar sobre, mas o que ele é de fato?

O Pix é um novo meio de pagamento que serve para realizar transações instantâneas. Seja pagamento ou transferências, o valor estará disponível na conta do destinatário em cerca de 10 segundos e poderá ser utilizado por pessoas físicas e jurídicas.

Além da agilidade, o Pix também chama atenção pela sua praticidade.

Comumente, o pagamento de boletos pode demorar até 3 dias úteis para compensar. As transferências realizadas entre instituições financeiras diferentes pode demorar até meia hora em dias úteis e só são realizadas no próximo dia útil caso a tentativa de transferência seja realizado no sábado, domingo ou feriado.

O Pix não se limita às barreiras dos dias úteis. As transações podem ser realizadas 24/7, ou seja, a qualquer hora em todos os dias.

O Pix pertence a alguma instituição específica?

O Banco Central (Bacen), desenvolveu o Sistema de Pagamento Instantâneo, o SPI.

O Sistema conta com com a participação de diversas instituições participantes que querem disponibilizar essa opção de pagamento, como bancos, fintechs e cooperativas de crédito.

Porém, as instituições apenas são cadastradas para a utilização do sistema, toda a gestão é realizado pelo Bacen, através do Departamento de Operações Bancárias e de Sistemas de Pagamento, o Deban.

Porque o Pix consegue realizar transações instantâneas?

Devido ao fato dos intermediários de pagamento diminuírem significativamente, e que as instituições de pagamentos estarem integradas ao banco central, é possível acompanhar as transações e fazer os envios e recebimentos mais rapidamente.

A diminuição nos intermediários pode deixar dúvidas em relação a segurança nesse tipo de transação. Lembre-se no entanto que o Pix é regido pelo Bacen, e conta com o registro ativo de todas as instituições.

Sendo assim, todas as prestadoras de serviços financeiros cadastradas estarão sendo monitoradas para garantir a veracidade das transações.

Agora que a visão a respeito do Pix está mais clara, confira como ele poderá ser útil para a sua empresa!

Pix para as empresas

Uma das principais dificuldades das empresas são formas de cobranças. Como convencer os clientes a continuar utilizando a sua solução e pagar o valor estabelecido por ela. Além do mais, após a realização dos pagamentos, existe um prazo para que o dinheiro esteja disponível na conta.

Com o Pix, pessoas jurídicas terão uma opção a mais para receber os seus pagamentos, não se prendendo somente ao recebimento por dinheiro físico, transferências, boletos e cartão de crédito.

Com o Pix os pagamentos:

  • Não possuem intermediários, deixando as transações mais em conta e ágeis;

  • Estarão disponível na conta da empresa em poucos segundos;

  • Terão custos menores que os demais meios de pagamento;

  • Não possuirão valores mínimos ou máximos;

Essas e outras vantagens do Pix você também pode conferir em: 7 Vantagens de vender usando Pix Pagamento Instantâneo.

Como usar o Pix em minha empresa?

Para usar o Pix, basta você se conectar a uma conta já existente em sua instituição financeira. Para isso, é recomendado criar uma chave de acesso.

O que são as chaves de acesso?

As chaves de acesso são formas de identificar a conta de uma pessoa nas transações do Pix.

Nas transações tradicionais você tem que fornecer muitos dados para que ela seja concluída, como o nome, CPF ou CNPJ, número da conta e da agência, entre outras a depender da operação que estiver sendo realizada.

Com as chaves de acesso Pix, será necessária apenas um informação para conseguir identificar a sua conta, podendo ser elas:

  • CPF ou CNPJ;

  • E-mail;

  • Número de telefone celular;

  • Chave aleatória.

Como as chaves de acesso funcionam?

Basta cadastrar um dos dados, como CPF ou CNPJ, e-mail ou número de celular junto a instituição financeira. A partir do cadastro realizado, será necessário passar apenas uma informação para quem irá realizar o pagamento.

As chaves aleatórias são um pouco diferentes. Você pode solicitar uma chave de transferência va QR Code, onde todas as informações de pagamento estarão disponibilizadas. A partir disso, será necessário apenas enviar essa imagem para quem realizará o pagamento.

Entenda, as chaves de pagamento são úteis para encurtar os processos e torná-los mais práticos. Elas não são obrigatórias e o sistema Pix também poderá ser usado coletando as informações tradicionais necessárias a uma TED.

Como receber ou pagar com o Pix?

O Pix aceita transações de pagamentos em qualquer valor, nas mais variadas modalidades, como transferências, pagamentos de compras e serviços, além do pagamento de tributos.

A única condição imposta para realizar um pagamento Pix é que o recebedor aceite esse meio de pagamento.

É possível realizar os pagamentos através de:

  • Leitura de um QR code com a câmera do smartphone;

  • Informações de uma chave Pix do recebedor;

  • Digitação manual dos dados da conta recebedora, tal como se faz com uma TED hoje.

Além disso, também será possível agendar uma transação Pix para uma data futura.

Para os estabelecimentos, pessoas jurídicas e físicas receberem através do Pix, existem duas formas:

  • Gerando um QR code para ser compartilhado com o pagador;

  • Informando uma chave de acesso Pix registrada em alguma conta.

Em relação ao QR code, ele poder ser gerado uma única vez e reaproveitado ou criado um novo a cadas transação.

Assim que o pagamento é feito, levará apenas alguns segundos para ser creditado na conta do recebedor, independente de ser pessoa jurídica ou pessoa física.

Quais serão as taxas praticadas pelo Pix?

Já foi estabelecido que o Pix para pessoas físicas será gratuito. Porém os valores para pessoas jurídicas ainda não foram definidos.

O Bacen deixou claro, no entanto que as taxas praticadas serão menores que as taxas utilizadas no mercado com outros meios de pagamento.

É possível integrar o Pix ao sistema de pagamento da sua empresa

O Pix pode ser inserido como opção de pagamento no sistema de automação dos pagamentos em sua empresa. Dessa forma, ficará mais fácil acompanhar a situação financeira do seu negócio e oferecer mais opções de pagamentos e deixar com que o seu cliente decida qual mais se adequa às condições dele.

Alguns sistemas como o Galax Pay possibilitam a integração do Pix aos pagamentos de seus clientes, facilitando o envio das cobranças e minimizando os erros nas transações.

Garanta a sua chance de participar desde o início deste movimento do mercado e entenda mais sobre como o Pix pode ser útil nas atividades de sua empresa. Fale com um especialista!

Receba o contato de um especialista

Você ainda possui dúvidas sobre o Pix e como aplicá-lo em sua empresa? Deixe um comentário e responderemos o mais breve possível!

Autor

Lays Xavier
Marketing
Produtora de conteúdo, sonhadora e inspirada. Cursando Publicidade e Propaganda, vive atrás de referências na busca de produzir conteúdos cada vez mais relevantes e atrativos. Engajada em cursos online, sabe que o conteúdo nasce do conhecimento e por isso, está constantemente atrás de novas oportunidades para adquiri-lo.
Outros posts feitos por Lays Xavier
Comentários:
Onde estamos
Rua Platina, 1375, 2º andar, Bairro Prado, Belo Horizonte / MG
Ver no Mapa