Formas de criar um plano de expansão para sua empresa

Saiba como definir as ações futuras e determinar como a será a sua execução!

por Juros Baixos
Formas de criar um plano de expansão para sua empresa

A alta competitividade no mercado impacta os empreendimentos de forma a estarem sempre buscando por atualizações e melhorias: redesenham seu modelo de negócio, adicionam tecnologias de ponta, fazem parcerias e por fim, criam um plano de expansão.

Se uma empresa tem a pretensão de manter seu sucesso e a sua lucratividade, o que jamais pode ser parte da jornada dos negócios é acomodação. E quando o potencial máximo é atingido, a expansão é a única maneira de garantir a sobrevivência e a longevidade do empreendimento.

Porém, como criar um plano de expansão para sua empresa que alcance esses pontos destacados acima? Se quiser saber mais, continue lendo esse artigo que daremos os passos possíveis a serem trilhados para atingir seu objetivo!

O que é plano de expansão

É um plano de ação que pontua cada passo do que será realizado, com os nomes dos colaboradores e cargos dos responsáveis por cada etapa. No plano contém os recursos materiais e pessoais que são importantes, além de quanto será o investimento necessário para colocar tudo em prática.

O plano expansão empresarial também pode ser em busca de novos produtos ou serviços. Além disso por meio da abertura de filiais, fusões, adição de franqueados ou aquisição de outro negócio, etc.

Por que montar um plano de expansão para a sua empresa

Um dos motivos principais para montar um plano de expansão para sua empresa é que caso ela não busque uma forma de se desenvolver, existe uma grande probabilidade da concorrência acender e crescer de tal maneira, que sua organização ficará cada vez mais obsoleta.

Resumidamente, podemos destacar os pontos mais importantes do porquê a expansão empresarial é tão relevante:

  • Sobrevivência em um mercado cada vez mais competitivo e complexo;

  • Ampliação do lucro;

  • Aumento do market share;

  • Obtenção de maior influência no mercado.

Como planejar a expansão da sua empresa

Para planejar a expansão da sua empresa, você precisa analisar a viabilidade da transformação do seu negócio. Por conta disso, a tomada dessa decisão necessita estar junto a ações de embasamento desse esboço que está sendo modelado.

A certeza é que sua empresa estará pronta para expansão deve ser realizada através de estudos preliminares que podem viabilizar essa resposta positiva. No entanto, para que seja produtivo é importante agrupar e refletir informações de naturezas distintas. Considerando isso, vamos pontuar as principais iniciativas que irão auxiliar nessa avaliação de cenários:

  1. Faça análise atual da empresa: antes de qualquer coisa, é preciso levantar os pontos fracos e fortes da organização:

  • Linha de produção;

  • Vendas;

  • Canais de atendimento;

  • Canais de comercialização;

  • Habilidades do corpo funcional;

  • Instalações do empreendimento;

  • Faturamento dos últimos anos;

  • Tecnologia utilizada;

  • Capacidade produtiva;

  • Processos que ajudam a sustentar o negócio;

  • Diferenciais competitivos.

  1. Realize o mapeamento do mercado: todo negócio está encaixado em um mercado a ser explorado. Tenha em mente que a concorrência deve ser extremamente conhecida, a ponto de conhecer seu posicionamento, as possibilidades de inovação, os canais de distribuição e, especial, suas ameaças.

Também é relevante destacar o entendimento do comportamento do concorrente, auxiliando esse conhecimento como algo que definirá as estratégias de superação perante às dificuldades impostas pelo mercado da sua organização;

  1. Observe sua gestão de equipes: é importante estar inteirado sobre a governança da sua empresa de forma geral, buscando reconhecer:

  • Integração entre setores;

  • Comunicação interna;

  • Como os dados são compartilhados entre todos os colaboradores;

  • Feedback dos clientes perante aos alinhamentos de estratégias;

  • Cultura interna perante objetivos em comum.

Caso exista a percepção que a gestão de equipes não está conforme o imaginado, é vital ajustar os processos antes da expansão. Quase que mandatórias, essas ações devem ser feitas para que esforços e investimentos não sejam em vão e a empresa não permaneça no mesmo lugar.

  1. Gestão de capital: para expandir você precisará de investimentos, por isso, antes de qualquer coisa, é importante sanar quaisquer dívidas que existam. Tenha em mente que antes que uma bola de neve seja criada, as contas precisam estar equilibradas e com controles internos mais rigorosos, já que qualquer impacto pode ser danoso durante o processo de expansão.

Com a análise interna pronta, agora você partirá para as possíveis linhas de crédito, ou seja, empréstimo empresarial, que podem auxiliar na expansão que são:

  • Capital de giro;

  • Aplicação fixa;

  • Investimento fixo;

  • Receita antecipada;

  • Conta garantida.

Principais estratégias usadas para expansão

Nesse tópico, daremos algumas sugestões inovadoras que podem contribuir em muito com plano de expansão da sua organização:

  • Fusão: é o processo de união de duas ou mais empresas com suas qualidade e diferenciais, a fim de tornarem-se um novo negócio. A grande vantagem da fusão é gerar lucratividade, com troca de conhecimentos técnicos que se complementam e colaboram com a alta competitividade do mercado. Além disso, há redução de custos, aumento de receitas e minimização de riscos;

  • Aquisição: é quando uma empresa compra outra organização. A vantagem da aquisição é a possibilidade de aumentar o capital e possibilitar a entrada em novos mercados ou gerar novidades no setor de produtos;

  • Franquia: é um sistema em que sua organização cede o direito da sua marca ou patente, ligado a uma associação de distribuição exclusiva ou semiexclusiva de produtos ou serviços (no caso, o franqueado). A principal vantagem é alavancagem financeira, além da competição com organizações maiores, fazendo com que você consiga se estabelecer em outros mercados antes de outras corporações.

Plano de Ação: hora de agir!

Após seguir todas as etapas acima, é a hora da sua empresa colocar a mão na massa. Mas não esqueça de analisar corretamente todos os pontos levantados acima, antes de criar um plano de ação para sua empresa.

Sobre tudo mencionado no texto, qual é a parte que você considera como maior dificuldade para criar um plano de expansão da sua empresa? Deixe nos comentários abaixo para sabermos mais!

Autor

Juros Baixos

O Juros Baixos é uma empresa intermediadora do processo de concessão de crédito entre bancos, fintechs e clientes.

Outros posts feitos por Juros Baixos

Deixe seu comentário