Como fazer um Fluxo de caixa?

O Fluxo de caixa mostra o andamento financeiro da sua empresa. Confira já como elaborá-lo da forma certa!

por Lays Xavier

O dia a dia dos empresários de modo geral é atribulado, principalmente quando ele é o responsável por gerenciar todos os processos da empresa.

A falta de um sistema financeiro estruturado, de um planejamento de contas, do controle de Fluxo de Caixa é a soma de fatores para que as empresas caminhem a largos passos para a falência.

Imagine que você esteja a frente do negócio e não consiga mensurar os dados do seu mês, como o lucro obtido, quai os as maiores despesas e o que foi pago?

Com o passar do tempo será muito difícil definir quanto pode ser investido, o que é fundamental para o funcionamento da empresa ou quanto de dívida ela possui acumulada.

Boa parte desse controle pode ser adquirido com a criação de um bom Fluxo de Caixa.

Afinal, você sabe o que é um Fluxo de Caixa ou como montá-lo?

Caso você tenha dúvidas sobre o que é o Fluxo de Caixa e não saiba exatamente como tornar essa ferramenta um auxiliar no dia a dia, você veio ao lugar certo!

O que é um Fluxo de caixa?

O Fluxo de Caixa é um método desenvolvido para monitorar a entrada e saída financeira da sua empresa. Ou seja, o que a sua empresa paga a fornecedores, colaboradores e outros, além do que ele recebe pelas soluções que oferece.

É fundamental para o funcionamento do Fluxo de Caixa que todas as transações sejam lançadas. O registro detalhado permitirá a você ter o controle financeiro da sua empresa, evitando faltas e erros.

Percebemos, após anos de trabalhos com pequenas empresas brasileiras, que o que lhes falta é uma padronização básica de registros, algo que não lhe abram margens para o erro. Por isso criamos um Plano de Contas ideal para Pequenas Empresa, clique aqui para baixar.

 

  • Você vai descobrir como o dinheiro entra, e para onde ele vai.
  • O objetivo é organizar em categorias todos os registros de suas contas, tanto pagamentos quanto recebimentos.
  • Evolua! Pare de controlar suas finanças em cadernos ou agenda.

plano-contas-gpay-corpo.png

Com o passar do tempo o Fluxo de Caixa irá proporcionar informações o suficiente para que você veja nitidamente quais são os maiores gastos da sua empresa e quais ações proporcionam mais retorno.

Entenda: Antônio percebeu que sua empresa vendia apenas 3 planos Gold por semana e  decidiu fazer uma ação que oferecerá 40% de desconto para todos os clientes que adquirirem seu Plano Gold que possui o valor de R$200,00. Após uma semana dessa promoção, ele decide verificar qual foi a movimentação financeira da sua empresa.

Com essa promoção, Antônio conseguiu vender 6 Planos Gold, duas vezes mais do que ele geralmente vende em uma semana. O número deixou Antônio muito animado, já que foram mais 3 vendas.

Antes de falar se o resultado de Antônio foi realmente satisfatório é necessário saber quanto é investido pela empresa em recursos para a execução do Plano Gold, comparar os números e então, analisar se a ação foi lucrativa.

Para a execução do Plano Gold é gasto R$40,00 por cliente. Em uma semana normal, o lucro de Antônio com a venda desses planos (valor do plano vendido - gasto de execução) é de R$ 480,00.

Ao calcular o lucro da semana da promoção, observamos que cada plano saiu a R$120,00 com os descontos e com os gastos de execução, o valor diminuiu ainda mais, oferecendo R$ 80,00 de lucro em cada plano.

Como foram assinados 6 planos, o lucro semanal de Antônio foi R$480,00. A diferença de valor entre os planos sem desconto e os do período de promoção é R$00,00. Após uma semana de trabalho intenso, antônio fechou a semana com o caixa zerado.

Caso não fosse conferido o Fluxo de Caixa, ou seja, os gastos e o valor adquirido, o empresário não perceberia que a aplicação da sua estratégia era ineficiente e poderia ter prejuízo apesar do maior número de vendas.

O uso desse exemplo deixou mais claro como é importante ter uma visão clara do Fluxo de Caixa e a necessidade de possuí-lo em sua empresa.

Sabendo que o Fluxo de Caixa é fundamental para as empresas e que você já sabe como funciona esse planejamento, veja a seguir como elaborar um para o seu negócio.

Como elaborar um Fluxo de Caixa?

Como já foi anteriormente citado, um Fluxo de Caixa requer a dedicação do empresário, ou do setor financeiro da sua empresa. Isso porque é necessário lançar na planilha todas as movimentações financeiras.

Inicialmente, separe as saídas do dinheiro em pelo menos 3 categorias, sendo elas: despesas, fornecedores e outros gastos.

A categoria despesas é indicada para os gastos administrativos, como salários, marketing, itens de papelaria, correio entre outras.

Os gastos com fornecedores são todas as despesas referentes aos materiais necessários para o funcionamento da sua empresa, como o estoque, peças, produtos que serão redistribuídos e mais.

A categoria "outros gastos" é direcionada a empréstimos, tributos e impostos, além dos investimentos.

O controle das saídas é tão necessário quanto o de entradas, por isso veremos um pouco sobre eles agora.

A parte voltada às entradas no caixa da empresa, deve conter dados sobre todas as vendas realizadas, prestação de serviços, recebimento de doações e outras ações nas quais o dinheiro entra em caixa.

É recomendado que o preenchimento seja feito assim que realizada a entrada ou saída do dinheiro do caixa. Caso não seja possível, faça o processo ao final do dia, mas não deixe de realizar os lançamentos.

Para conseguir afirmar se o dia foi lucrativo ou deu prejuízo, basta calcular o valor total das entradas menos os das saídas e somar ao saldo inicial. A fórmula é a seguinte:

Valor de entrada - Valor de saída + Saldo inicial = Resultado (lucro ou prejuízo)

Agora que você já sabe o que é o Fluxo de Caixa e o que é necessário para preencher um, você está apto a calcular sua receita diária, ou seja, quanto a sua empresa adquiriu ou perdeu.

Pode parecer muito trabalhoso a princípio realizar o preenchimento de todos os dados, porém é fundamental para o funcionamento de sua empresa. Torne a sua caminhada rumo ao sucesso mais simples e tranquila organizando as suas finanças.

Para te ajudar nesse processo, criamos uma planilha de Fluxo de Caixa completa e inteiramente gratuita. Não perca mais tempo e tenha o controle financeiro da sua empresa nas mãos!

Sucesso e até mais!

Autor

Lays Xavier
Marketing
Produtora de conteúdo, sonhadora e inspirada. Cursando Publicidade e Propaganda, vive atrás de referências na busca de produzir conteúdos cada vez mais relevantes e atrativos. Engajada em cursos online, sabe que o conteúdo nasce do conhecimento e por isso, está constantemente atrás de novas oportunidades para adquiri-lo.
Outros posts feitos por Lays Xavier
Comentários:
Onde estamos
Rua Platina, 1375, 2º andar, Bairro Prado, Belo Horizonte / MG
Ver no Mapa